segunda-feira, 13 de janeiro de 2014



Lamento aos que não sabem ser amigos ao mesmo tempo que namorados. Lamento aos que se fecham para um mundo e só conseguem ter uma vida a dois. Quando a vida é tão mais. Mas assim: TÃO MAIS! Sinto pena destas pessoas. Porque por algum tempo elas sofrem de amnésia. Esquece-se que amigos são para sempre. Que amigos salvam a alma, quando ela está em apuros. Que amigos são sinônimos de sorrisos. Tenho dó. De verdade. Porque aí o “super verdadeiro amor pra sempre e sempre” que acaba em meses, vai fazer doer e a quem procuram? Os amigos. O ombro, a palavra... Sim, eu realmente vou estar lá para tudo isso, mas ainda assim não vai mudar minha opinião de ter dó do seu pensamento pequeno, do seu mundo fechado. Vou estar aqui para lhe consolar sim, mas serei muito obrigada a dizer que depois da “tempestade”, você terá que reconhecer que o sol da vida é a amizade.

Mandei Avisar.

2 comentários:

  1. Mas eu ainda tenho esperança dessas pessoas , em algum momento, acordarem pra vida ;)

    ResponderExcluir